Vídeos

Notícias - Google Notícias

CINEMA / Filmow - Notícias Populares

ESTE BLOG É INDEPENDENTE - NÃO RECEBE (E NEM QUER) SUBVENÇÃO DE QUALQUER PREFEITURA, GOVERNO DE ESTADO E MUITO MENOS DO GOVERNO FEDERAL - NÃO SOMOS UMA ONG OU FUNDAÇÃO, ASSOCIAÇÃO OU CENTRO CULTURAL E TAMBÉM NÃO SOMOS FINANCIADOS POR NENHUM PARTIDO POLÍTICO OU DENOMINAÇÃO RELIGIOSA - NÃO SOMOS FINANCIADOS PELO TRÁFICO DE DROGAS E/OU MILICIANOS - O OBSERVATÓRIO COMUNITÁRIO É UMA EXTENSÃO DO CAMPINARTE DICAS E FATOS - INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS - GRATO PELA ATENÇÃO / HUAYRÃN RIBEIRO

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Senado aprova impeachment contra Dilma Rousseff

Aprovado o impeachment, Temer viaja nesta quarta para a China

31/08/2016 - 19:16 - E logo após tomar posse e se reunir com ministros, o presidente Michel Temer embarca para a China, onde participa da reunião de cúpula do G-20, grupo que reúne as 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia. Em reunião com os ministros, o presidente adiantou os objetivos dessa viagem. 

Balanço: confira o que foi feito durante o governo provisório de Temer

31/08/2016 - 19:10 - Unificar o país e retomar o crescimento econômico. Essas foram algumas das prioridades do presidente Michel Temer ao assumir o governo há 111 dias. Durante esse período, como presidente da República em exercício, Michel Temer anunciou medidas para conter os gastos públicos e abriu o diálogo com o setor produtivo do país. 

Michel Temer tomou posse definitivamente do cargo

31/08/2016 - 19:08 - O plenário do Congresso Nacional deu posse a Michel Temer como presidente da República. Ele já estava no cargo interinamente desde o afastamento de Dilma Rousseff por consequência da abertura do processo de impeachment dela, em maio deste ano. 

Senado aprova impeachment contra Dilma Rousseff

31/08/2016 - 19:08 - O Julgamento realizado hoje no Senado Federal, decidiu pela perda do mandato da presidente afastada Dilma Rousseff. A maioria qualificada de mais de 2/3 dos senadores concluiu que ela cometeu crime de responsabilidade, por ter editado decretos de créditos suplementares sem o aval do Congresso, e por ter atrasado o repasse ao Banco do Brasil de recursos para pagamento de juros do Plano Safra. Os senadores decidiram ainda pela manutenção do direito de Dilma Roussef de exercer funções públicas, seja por concurso, eleição ou cargo de confiança. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.