Vídeos

Notícias - Google Notícias

CINEMA / Filmow - Notícias Populares

ESTE BLOG É INDEPENDENTE - NÃO RECEBE (E NEM QUER) SUBVENÇÃO DE QUALQUER PREFEITURA, GOVERNO DE ESTADO E MUITO MENOS DO GOVERNO FEDERAL - NÃO SOMOS UMA ONG OU FUNDAÇÃO, ASSOCIAÇÃO OU CENTRO CULTURAL E TAMBÉM NÃO SOMOS FINANCIADOS POR NENHUM PARTIDO POLÍTICO OU DENOMINAÇÃO RELIGIOSA - NÃO SOMOS FINANCIADOS PELO TRÁFICO DE DROGAS E/OU MILICIANOS - O OBSERVATÓRIO COMUNITÁRIO É UMA EXTENSÃO DO CAMPINARTE DICAS E FATOS - INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS - GRATO PELA ATENÇÃO / HUAYRÃN RIBEIRO

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

sábado, 21 de novembro de 2015

21 de Novembro / Dia da Homeopatia

A homeopatia normalmente é confundida com a fitoterapia, que é a utilização de plantas medicinais no tratamento de doenças a partir de um princípio diferente do princípio homeopático. A fitoterapia se fundamenta no princípio dos contrários, que busca combater sintomas isolados de uma enfermidade com substâncias que atuem contrariamente a eles. Já a homeopatia é fundamentada no princípio dos semelhantes, que significa que toda substância capaz de provocar determinados sintomas numa pessoa sadia é capaz de curar tais sintomas numa pessoa doente.
A partir desse princípio, Samuel Hahnemann criou a homeopatia há mais de 200 anos, apoiando-se na observação experimental. Foi ele o responsável pela criação desse ramo da medicina, que estimula o organismo a reagir contra a sua enfermidade a partir de uma substância que causa em alguém sadio essa mesma enfermidade.
A homeopatia é um ramo da medicina que propõe que o médico trate o paciente como um todo e não apenas seu sintoma específico. Ela também defende uma “dosagem mínima”, com o objetivo de simplesmente estimular as propriedades curativas do próprio corpo. Assim, os remédios são administrados em soluções diluídas. Os críticos sustentam ser improvável que doses tão diminutas tenham qualquer efeito significativo sobre o organismo. Os homeopatas defendem que, através da homeopatia, é possível emagrecer e até amenizar os sintomas da tensão pré-menstrual.
Fonte: UFGNet

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.