Vídeos

Notícias - Google Notícias

CINEMA / Filmow - Notícias Populares

ESTE BLOG É INDEPENDENTE - NÃO RECEBE (E NEM QUER) SUBVENÇÃO DE QUALQUER PREFEITURA, GOVERNO DE ESTADO E MUITO MENOS DO GOVERNO FEDERAL - NÃO SOMOS UMA ONG OU FUNDAÇÃO, ASSOCIAÇÃO OU CENTRO CULTURAL E TAMBÉM NÃO SOMOS FINANCIADOS POR NENHUM PARTIDO POLÍTICO OU DENOMINAÇÃO RELIGIOSA - NÃO SOMOS FINANCIADOS PELO TRÁFICO DE DROGAS E/OU MILICIANOS - O OBSERVATÓRIO COMUNITÁRIO É UMA EXTENSÃO DO CAMPINARTE DICAS E FATOS - INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS - GRATO PELA ATENÇÃO / HUAYRÃN RIBEIRO

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

terça-feira, 28 de abril de 2015

Ator e diretor Antônio Abujamra morre aos 82 anos. Famosos lamentam: 'Triste'

Morreu na manhã desta terça-feira (28) o ator e diretor Antônio Abujamra. O corpo foi encontrado pelo seu filho, Alexandre, na casa onde morava, na Zona Oeste de São Paulo. Ainda não há informações sobre a causa da morte, nem sobre o velório e o enterro. Ele deixa dois filhos e dois netos. É o segundo diretor a partir em menos de uma semana. Na última quinta-feira, Roberto Talma morreu vítima de uma falência múltipla dos órgãos.
O sobrinho de Antônio, João Abujamra, disse que falou com o tio nesta segunda-feira (27) e que ele estava ótimo. Também parente do diretor, o cineasta Samir Abujamra lamentou a morte em seu Facebook. "Morreu meu ídolo, meu segundo pai, o homem que me fez ser artista. Tio Tó", lamentou.
Antônio Abujamra morre aos 82 anos, em São Paulo, nesta terça-feira, 28 de abril de 2015
Abujamra também era apresentador e atualmente estava na TV Cultura com o programa "Provocações". "É com grande pesar que informamos que hoje, 28/04/2015, o apresentador de Provocações, Antônio Abujamra, faleceu. Agradecemos o carinho e apoio de todos que tem nos acompanhado ao longo desses 14 anos de programa", lamentou a produção da atração.
Antônio fez carreira na TV, no cinema e no teatro
Antônio foi um dos primeiros a introduzir os métodos teatrais de Bertolt Brecht e Roger Planchon em palcos brasileiros. Formou-se em filosofia e jornalismo, em Porto Alegre, em 1957. Iniciou-se como crítico teatral e faz suas primeiras aparições como ator e diretor no Teatro Universitário, entre 1955 e 1958, nas montagens de "O Marinheiro", de Fernando Pessoa, "À Margem da Vida" e "O Caso das Petúnias", de Tennessee Williams.
Na TV, ele atuou em novelas como "Que Rei Sou Eu?", "Sassaricando", "Terra Nostra", ao lado de Thiago Lacerda, que atualmente está no ar como o vilão Marcos, na novela "Alto Astral", "Andando nas Nuvens" e "Começar De Novo", ao lado do também ator e diretor Marcos Paulo, morto em novembro de 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.