Vídeos

Notícias - Google Notícias

CINEMA / Filmow - Notícias Populares

ESTE BLOG É INDEPENDENTE - NÃO RECEBE (E NEM QUER) SUBVENÇÃO DE QUALQUER PREFEITURA, GOVERNO DE ESTADO E MUITO MENOS DO GOVERNO FEDERAL - NÃO SOMOS UMA ONG OU FUNDAÇÃO, ASSOCIAÇÃO OU CENTRO CULTURAL E TAMBÉM NÃO SOMOS FINANCIADOS POR NENHUM PARTIDO POLÍTICO OU DENOMINAÇÃO RELIGIOSA - NÃO SOMOS FINANCIADOS PELO TRÁFICO DE DROGAS E/OU MILICIANOS - O OBSERVATÓRIO COMUNITÁRIO É UMA EXTENSÃO DO CAMPINARTE DICAS E FATOS - INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS - GRATO PELA ATENÇÃO / HUAYRÃN RIBEIRO

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

terça-feira, 15 de outubro de 2013

SAQUAREMA RECEBE ETAPA REGIONAL DO LIDERA RIO NOS ESPORTES

Os preparativos para a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016 já começaram no Rio de Janeiro e os municípios do estado se preparam para investir e deixar um legado esportivo em suas cidades. Nesta terça-feira (15/10), a série de etapas regionais do Lidera Rio nos Esportes, programa que tem como objetivo contribuir para que os municípios fluminenses aproveitem as oportunidades de negócios geradas pelos megaeventos esportivos que estão na agenda do estado, foi iniciado na cidade de Saquarema, na Região dos Lagos. “Muitos secretários de Esporte não têm experiência de gestão pública e acabam perdendo boas oportunidades, por falta de conhecimento e tecnologia. Esse programa veio para capacitar os gestores a utilizarem recursos oferecidos em lei”, declarou o presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) e do Fórum Permanente de Desenvolvimento Estratégico do Estado, deputado Paulo Melo (PMDB).
O evento foi realizado pelo Fórum, em parceria com o Sebrae-RJ, e contou com representantes das cidades de Saquarema, Cabo Frio, Araruama, Búzios, Arraial do Cabo, Casimiro de Abreu, Iguaba Grande, São Pedro da Aldeia e Bom Jardim. Segundo o consultor do Sebrae-RJ e professor de Gestão Estratégica de Esportes da Fundação Getúlio Vargas, Lúcio Macedo, é preciso que os municípios percebam qual o tamanho do esporte na economia da sua região. “Existem hoje, no Rio, 900 possibilidades de investimentos nesse segmento; para isso é preciso ter conhecimento para captar fundos e saber apresentar os projetos para os investidores”, alertou Lúcio.
O professor ainda ressaltou que o mercado esportivo movimenta no mundo, anualmente, cerca de R$ 1 trilhão. “Os municípios podem e devem ser grandes parceiros do estado nesses investimentos”, afirmou o consultor. Para o deputado Paulo Melo, esse projeto contribui para uma melhor gestão do esporte não apenas como atividade física, mas como dimensão do desenvolvimento. “As cidades serão mobilizadas com atividades que geram visibilidade, dinamizam a economia, alavancam o turismo e a educação”, destacou o parlamentar.
Segundo a prefeita da cidade de Saquarema, Franciane Motta, o aprendizado será colocado em prática o quanto antes. “Estamos muito empolgados com esse programa e ficamos felizes em ser a cidade de abertura”, destacou a prefeita. Durante a tarde foram oferecidas oficinas técnicas - direcionadas aos gestores públicos para planejar e executar ações que incentivem a prática de esportes e palestras sobre captação de recursos e normas como a Lei Pelé, a Lei de Incentivo ao Esporte e sobre execução de projetos esportivos. “O programa oferece conhecimento que pode ser aplicado em diversos momentos. Isso é muito interessante, pois na conjuntura atual estamos falando de esporte, mas em outra época podemos falar de outro foco de investimento, em que o mecanismo para captar fundos pode ser o mesmo”, acrescentou a secretária geral do Fórum, Geiza Rocha.
(texto de Buanna Rosa)



Pedro Motta Lima
Diretoria de Comunicação Social da Alerj
(21) 2588-1627 / 2588-1404

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.