Vídeos

Notícias - Google Notícias

CINEMA / Filmow - Notícias Populares

ESTE BLOG É INDEPENDENTE - NÃO RECEBE (E NEM QUER) SUBVENÇÃO DE QUALQUER PREFEITURA, GOVERNO DE ESTADO E MUITO MENOS DO GOVERNO FEDERAL - NÃO SOMOS UMA ONG OU FUNDAÇÃO, ASSOCIAÇÃO OU CENTRO CULTURAL E TAMBÉM NÃO SOMOS FINANCIADOS POR NENHUM PARTIDO POLÍTICO OU DENOMINAÇÃO RELIGIOSA - NÃO SOMOS FINANCIADOS PELO TRÁFICO DE DROGAS E/OU MILICIANOS - O OBSERVATÓRIO COMUNITÁRIO É UMA EXTENSÃO DO CAMPINARTE DICAS E FATOS - INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS - GRATO PELA ATENÇÃO / HUAYRÃN RIBEIRO

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

terça-feira, 24 de setembro de 2013

COMISSÃO DA GOVERNANÇA QUER GESTÃO COMPARTILHADA ENTRE OS MUNICÍPIOS

Um planejamento de metrópole integrada. É o que pretende realizar a Comissão de Governança da Região Metropolitana da Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj), presidida pela deputadaAspásia Camargo (PV). O colegiado se reuniu nesta terça (24/09) para debater sobre as dificuldades e soluções da Região: “São vinte municípios que merecem uma nova ordem de políticas públicas. O objetivo da comissão é criar um planejamento de acordo com as últimas determinações do Supremo Tribunal Federal, que dá autonomia aos municípios, mas pede uma gestão compartilhada entre prefeituras e Governo do estado da metrópole”, explicou Aspásia.
O pesquisador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia Observatório das Metrópoles (INTC), Juciano Rodrigues, ressaltou a importância de se reorganizar a Região. “A concentração de empresas e indústrias na capital eleva o nível de locomoção de pessoas da periferia metropolitana para o centro urbano nos mesmos horários, tornando o trânsito caótico”, avaliou Juciano, que disse ainda que uma das maiores dificuldades para atingir o progresso é a barreira da mobilidade urbana: “Transportes integrados e locomoção em massa de qualidade elevarão o índice de bem estar social”, ponderou.
“A comissão está puxando os debates para alertar as instituições públicas sobre a demanda imediata de um plano estratégico de desenvolvimento sustentável da Região Metropolitana, em que as políticas públicas conversem entre si”, frisou o deputado e membro do colegiado, Luiz Paulo (PSDB). Completando a fala do parlamentar, Aspásia enfatizou a importância da participação da sociedade civil para dar continuidade aos trabalhos do grupo “Os estudos apresentados nas reuniões trazem novas ideias de ações para que juntos possamos elaborar esse planejamento”, finalizou. Também estava presente na reunião o professor da Universidade do Grande Rio (Unigranrio) e pesquisador de Transportes e Mobilidade Urbana, José Francisco Resende.
(texto de Camilla Pontes)

Pedro Motta Lima
Diretoria de Comunicação Social da Alerj
(21) 2588-1627 / 2588-1404

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.